In Memoriam

Hoje chega ao fim a melhor série de todos os tempos. Ave, Lost! Que os Deuses da ficção te recebam na eternidade da memória.

Comentários

Yúdice Andrade disse…
Meu amigo, eu desconhecia essa tua paixão. Já que ela existe, peço que dês uma olhadinha na minha decepção em http://yudicerandol.blogspot.com/2010/05/lost-o-fim.html
Um olhar filosófico sobre a visão que tenho seria interessante.
Anônimo disse…
Comentarei com todo o prazer. Ontem ainda estava sob o impacto do fim. Mas hoje o digeri devidamente e estou pronto para falar a respeito. Já tinha lido a sua postagem, como sempre faço com todas. Tenho uma visão diversa da sua, tanto como filósofo quanto como fã. Será interessante pormos nossas opiniões em contraste.

Abraço, obrigado por comentar e seguir acompanhando o que eu escrevo.
Yúdice Andrade disse…
Tenho interesse nesse debate, meu amigo. Minha esposa também não concorda comigo. No final das contas, quero mesmo redescobrir em mim o amor pela série.
Infelizmente, ainda não vi o desfecho da série. Mas de hoje à noite não passa!

PS - Se quiseres fazer uma postagem, aqui ou no "Constitucionalidades virtuais", sobre o projeto dos políticos ficha suja, adorarei ler. Abraço.
Yúdice Andrade disse…
Rapaz, tenho mais necessidade do que nunca da tua resenha!

Postagens mais visitadas deste blog

Premissas e Conclusões

A distinção entre ser e dever-ser em Hans Kelsen

Filosofia Moral: Ética e Moral